Cristina Esteche

Compromisso com o leitor

Início » Celso Góes vai continuar a reforma administrativa em Guarapuava

Celso Góes vai continuar a reforma administrativa em Guarapuava

Celso Góes, prefeito de Guarapuava (Foto: Secom/Prefeitura)

Após passar os últimos dias de 2022 em turbulência por causa de alagamento que deixou desabrigados em Guarapuava, o prefeito Celso Góes descansa. Como ocorre nos últimos anos o destino escolhido é o litoral catarinense. Mas como nesta quinta (5) ocorre a posse do presidente da Câmara, vereador Pedro Moraes (Republicanos), que é da base governista, o prefeito deverá estar presente. Depois disso, Celso Góes deve anunciar mais mudanças no primeiro escalão.

Esta será a terceira e última etapa da minirreforma administrativa já iniciada. Bom, até agora não houve nenhuma novidade já que o prefeito preferiu o remanejamento de nomes nas trocas que fez. Mas a expectativa, principalmente da classe empresarial, refere-se ao titular da Secretaria de Desenvolvimento Econômico. É que Sávio Denardi passou a responder pela pasta de Tecnologia e Inovação. Também está pendente a Procuradoria Geral, já que está com chefia interina. A chefia de gabinete também está vaga, mas há possibilidades de Leonardo Rauen deixar a Comunicação para subir à antessala do prefeito. Se isso ocorrer, resta saber quem vai assumir a Secom.

Scalco acumula a Comunicação

Darlan
Darlan Scalco (Foto: AMP)

E por falar em Comunicação, no Governo do Estado quem substitui João Debiasi, é o chefe de gabinete do governador Ratinho Junior. O ex-prefeito de Pérola, Darlan Scalco, tem a difícil missão de continuar o trabalho executado por Debiasi. Ele assumiu a  Secretaria de Comunicação do Estado Santa Catarina, posto que já exerceu entre 2015 e 2019. A nomeação de Darlan foi publicada no Diário Oficial do Estado nesse  domingo (1°).

“Seria humilhação”

Roberto Requião (Foto: Arquvio/RSN)

Roberto Requião se sentiu desprestigiado pelo Governo Lula. Ele foi convidado para assumir uma vaga no conselho da Itaipu Binacional. Não aceitou e disse que seria “uma humilhação”, segundo escreveu o Blog do Esmael. A tendência do ex-governador é ‘pendurar a chuteira’.

Leia outras notícias no Portal RSN.

Cristina Esteche

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Voltar ao topo