Cristina Esteche

Compromisso com o leitor

Início » Renan Filho fecha ‘cancela’ e não vem ao Paraná

Renan Filho fecha ‘cancela’ e não vem ao Paraná

Renan Filho (Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil)

Entrou água na vinda do ministro dos Transportes, Renan Filho, nesta sexta (3). Ele tinha agenda com o governador Ratinho Junior (PSD) para a transferência do controle de mil quilômetros de rodovias paranaenses com a União. O trecho entre o Relógio e Guarapuava está incluído numa das duas primeiras etapas. A solenidade estava marcada para às 10h no Palácio Iguaçu. Seria o começo do processo para a nova modelagem do pedágio no Paraná.

Confesso que recebi o aviso de pauta desacreditando que poderia ocorrer e ao mesmo tempo curiosa para saber o desdobramento. Isso porque venho acompanhando o embate entre a Frente Parlamentar que trata do tema na Assembleia Legislativa e o governo paranaense. Em meio à tentativa da bancada governista trocar os membros da Frente, principalmente a presidência, o governador corre por fora.

Foi a Brasília nos últimos dias e voltou confiante de que o modelo proposto com o aval do ex-presidente Bolsonaro será o escolhido. Na outra ponta da corda, o deputado Arilson Chiorato (PT), que preside a Frente, também foi a Brasília. Levou em mãos um ofício assinado pela Frente, contrário à modelagem proposta pelo governador. Um dos maiores argumentos é que a tarifa vai se tornar mais cara. O governador diz que não.

Bem, pelo sim e pelo não, o fato é houve ruído na agenda e Renan Filho cancelou a vinda ao Paraná. O fato foi anunciado pelas redes sociais de Chiorato. A julgar pelo conteúdo, o deputado prevê o próximo passo. Segundo ele, agora, “só falta cancelar o projeto de pedágio mais caro da história do Paraná”. E falando em Frente do Pedágio, a decisão se Chiorato continua, ou não, na presidência, deveria sair hoje, mas ficou para segunda (6). Segundo o deputado, está nas mãos do presidente da Alep, Ademar Traiano.

Leia outras notícias no Portal RSN.

 

 

Cristina Esteche

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Voltar ao topo